• Dr. Artur Vasconcelos

MATO + CACHORRO - Feitos um para o outro!

Atualizado: há 6 dias



CATALISADOR DE SAÚDE

Sair com seu cachorro para uma caminhada em uma mata ou parque é uma das melhores maneiras de investir na sua saúde. O exercício físico é essencial para a homeostase endócrina e músculo-esquelética, além de prover estímulo mental, com cheiros e sons diferentes.

Costumo dizer que novos hábitos com seu cão são catalisadores para o bem-estar de toda a família. Ter uma rotina que envolva movimento em ambientes naturais vai fortalecer o elo entre vocês e será uma grande motivação para que todos adotem um estilo de vida mais saudável.





NÃO TENHA MEDO DE SUJEIRA

Deixe seu cão cavar, comer terra, nadar, rolar na lama, cheirar as fezes de outros animais. Evite antissépticos nas patas e no pêlo.

Contato com a natureza é muito melhor que qualquer probiótico commercial.

PARA CADA CACHORRO, UM PASSEIO DIFERENTE

Vários cães tem capacidade física superior a de muitos humanos, e toleram corridas vigorosas quando condicionados.

Porém, filhotes com menos de um ano de vida e raças com limitações anatômicas devem ter seus passeios formatados para evitar excessos, que podem colocar sua saúde em risco.

De forma geral, escolha os horários mais frescos do dia (que costumam ser menos movimentados), trilhas sombreadas, sem movimento de motos e bicicletas e, preferencialmente, com fácil acesso, caso aconteça alguma emergência.

ETIQUETA DE TRILHA

Antes de sair com seu cão, pesquise se é permitido levá-lo no passeio. Vários parques naturais não permitem a entrada de animais de estimação, pelo impacto que podem trazer à fauna silvestre.

Lembre-se que caminhar com seu cão fora da guia é um direito adquirido, e não é adequado para todo tipo de trilha. Obrigatoriamente, ele deve obedecer aos seus comandos (fica e aqui!), ser absolutamente socializado com pessoas e não deve se aproximar de outros animais sem sua autorização.

O espaço de vocês termina exatamente onde começa o do outro. As pessoas e outros cães não tem a obrigação de tolerar o cumprimento dele apenas porque ele é “bonzinho”.

FAÇA O CHECK-LIST

Sempre leve guia, peitoral, coleira de identificação, sacos para recolher dejetos e água suficiente para ambos vocês. Um celular para emergências (e fotos!) e um pequeno kit de primeiros socorros com gaze, faixa, esparadrapo, solução fisiológica, pinça, anti-histamínicos e analgésicos, garantem um passeio sem sustos.

Caminhadas mais longas, ou mesmo acampamentos (já imaginou?), necessitam ainda mais panejamento e equipamentos específicos. Mas feito é melhor que perfeito, e mesmo escapadas curtas da cidade podem ser muitos recompensadoras.

PRIMEIROS SOCORROS

Nem sempre tudo sai como planejado. Felizmente, acidentes com serpentes, maior medo de muita gente, são muito incomuns. Mas outras situações perigosas como anafilaxia por picada de insetos, traumas, hipertermia e intoxicações acontecem com mais frequência. Prepare-se para elas, mas não deixe que o medo te paralise e o impeça de aproveitar o “mundo lá fora”.

Uma boa idéia é chamar um amigo mais experiente como companhia. Ao retornar do passeio, lembre-se de fazer uma rápida avaliação física do seu animal, à procura de ferimentos, corpos estranhos (como espinhos), inchaços e carrapatos. Caso observe algo diferente, faça contato com o veterinário.


Não se esqueça também de cadastrar seu email para receber informações de novos conteúdos, palestras, cursos e livros, assine em www.arturvasconcelos.com.br


Conheça minha videoaula e apostila sobre ALIMENTAÇÃO NATURAL BIOAPROPRIADA:




78 visualizações

Consultas

Para agendamentos de consultas com o médico veterinário Artur Vasconcelos:

 

Clinica Veterinária MedVet:

(31) 3495-2234

 

Clinica Veterinaria VetHealing:

(31) 2516-4994 / 99916-4994

  • Branca Ícone Instagram

arturvasconcelos.vet

ENTRE EM CONTATO

© 2019